Matérias em Destaque

Vale, privatização de mentirinha Vale, privatização de mentirinha Péricles Capanema Sublinhada pelo encontro dos corpos soterrados na lama e pelo escoar lento do Paraopeba tóxico, a tragédia em Brumadinho lembra doloridamente...

Leia mais...

Presidente Bolsonaro baixa decreto, mas frustra as... PLD em Foco Coronel Paes de Lira comenta Presidente Bolsonaro baixa decreto, mas frustra as expectativas dos que lutam pela legítima defesa https://www.youtube.com/watch?v=RnrifTCQFC8&feature=push-u-sub&attr_tag=8G5gNv-qGpTLnIQX%3A6

Leia mais...

Futuro secretário nacional de segurança, Gen Theophilo:... PLD em Foco Coronel Paes de Lira comenta Futuro secretário nacional de segurança, Gen Theophilo: contra o porte de armas por pessoas comuns https://www.youtube.com/watch?v=94QwCOiXjZ0&feature=em-uploademail

Leia mais...

EM DESMANCHE Artigo do jornalista J.R. Guzzo, publicado na revista  VEJA, com o título EM DESMANCHE Circulou no noticiário um pensamento muito interessante que o novo presidente, Jair Bolsonaro, expressou durante...

Leia mais...

Autor do PDS(SF) 175/2017, retira projeto e acerta. PLD em Foco Coronel Paes de Lira comenta Autor do PDS(SF) 175/2017, retira projeto e acerta. Diretor-Geral da PF impõe ato normativo e erra https://www.youtube.com/watch?v=4qVAX0Cgg4k&feature=em-uploademail

Leia mais...

  • Anterior
  • Proximo

HÁ 50 ANOS

Publicado em: 04-01-2014 | Por: bidueira | Em: CHAVES, Comissão da Verdade, Esquerda católica, PT, SITUAÇÃO NACIONAL

0

Professores contra a ditadura

Com a afirmação de que estão dispostos a reagir contra as tentativas de entregar o país ao jugo de “uma ditadura liberticida e cruel, comandada pelo imperialismo comunista”, mais de 400 professores universitários, tendo à frente os Srs Sobral Pinto e Hélio Tornaghi, assinaram, ontem, um manifesto à nação.

Dólar em disparada

O dólar chegou a ser vendido, ontem, no mercado paralelo, a Cr$ 1.305, com as notícias de que o governo pretende baixar instituição, através da Sumoc, aumentando a taxa oficial de cotação da moeda norte-americana, hoje de Cr$ 600 (compra) e Cr$ 620 (venda). As autoridades não confirmaram, nem desmentiram a informação. 

Há 50 anos – 4 de janeiro de 1964 – O Globo

Deixe um Comentário!